Monday, February 15, 2016

MORRE MANUEL EUDÓCIO, PATRIMÔNIO DE PERNAMBUCO


No último sábado (13),  às 20h30, morreu em Caruaru o artesão Manuel Eudócio, aos 85 anos. 

Discípulo de Mestre Vitalino e considerado Patrimônio Vivo de Pernambuco desde 2005, seu estilo ceramista retratava o cotidiano popular do lugar onde viveu e aprendeu, ainda criança a fazer seus próprios brinquedos de barro, esculpindo cavalos, bois e vacas para brincar. O seu legado de mais de 50 mil peças de barro representa, ainda, personagens como Lampião e Maria Bonita, o Trio Nordestino e o Bumba-Meu-Boi.

O governador de Pernambuco, Paulo Câmara, e a primeira-dama do Estado, Ana Luiza Câmara, emitiram uma nota de pesar:

“Pernambuco amanheceu mais pobre culturalmente com a perda do Mestre Manuel Eudócio, único artista vivo da geração do Mestre Vitalino, de quem foi discípulo, e um Patrimônio Vivo de nosso Estado.

Mestre Eudócio, com sua humildade cativante e grande sensibilidade, criou um estilo próprio, misturando cenas do cotidiano nordestino com figuras das nossas ricas festas populares. Essas esculturas coloridas estão hoje espalhadas pelo mundo.

Queremos apresentar os nossos sentimentos e a nossa solidariedade aos seus familiares, que, tenho certeza, vão levar à frente o legado do Mestre Eudócio”.

No comments:

Post a Comment