terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

CHUVAS DE JANEIRO SOMARAM 400% ACIMA DA MÉDIA EM GARANHUNS






Por  Cloves Teodorico

No mês de janeiro, em Garanhuns, Agreste Meridional de Pernambuco, choveu 119,9 mm, de acordo com os dados da Agência Pernambucana de Água e Clima (Apac). Esse volume ficou 400% acima da média dos meses de janeiro dos últimos 10 anos – considerando o período de tempo entre os anos de 2006 e 2016. Isso significa que em cada metro quadrado choveu 119,9 litros.

De acordo com o secretário de Agricultura e Abastecimento, Epaminondas Borges Filho, o grande volume de chuva amenizou os efeitos da estiagem na área rural do município. “Em algumas localidades, os barreiros ficaram completamente cheios e o volume de água das nascentes já aumentou consideravelmente”, destaca o titular da pasta.

Entretanto, as previsões meteorológicas, divulgadas recentemente pela Apac, mostram que no trimestre que compreende os meses de fevereiro, março e abril deste ano, as chuvas ficarão abaixo da média no semiárido do Nordeste do Brasil. A justificativa ainda é a passagem do fenômeno El Niño no oceano Pacífico e a temperatura da superfície no oceano Atlântico – alterando o clima regional e global, mudando os padrões de vento, afetando as chuvas.
Fonte: Secom/PMG.

Nenhum comentário:

Postar um comentário