quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

GARANHUNS É UM EXEMPLO EM GESTÃO PÚBLICA NO BRASIL


Garanhuns está entre as 50 cidades brasileiras melhores avaliadas no ranking da Revista IstoÉ – As melhores cidades do Brasil 2015. O levantamento, que reconhece as mais inspiradoras práticas de gestão no âmbito municipal, é fruto de uma parceria com a Austin Rating – agência classificadora de crédito. Ao todo, 5.565 municípios passaram pelo mapeamento socioeconômico, considerado inédito no país, que avaliou as cidades de acordo com o tamanho de sua população.

Entre os tópicos avaliados, estão indicadores sociais, fiscais, econômicos e digitais. A ‘Cidade das Flores’ se destacou em dois desses indicadores. No quesito de execução de orçamento geral, se fixou em 30º lugar no geral em todo o país; em cidades de porte médio, Garanhuns fica ainda em maior evidência, ocupando o 9º lugar no país. Por Estado, nessa avaliação fiscal de porte médio, o município é o segundo colocado – ficando atrás apenas de Ipojuca.

Para o prefeito Izaías Régis Neto, governar Garanhuns era um sonho antigo e que, após a conquista de ocupar o cargo - tendo sido, anteriormente, deputado estadual - avalia de forma positiva os avanços conquistados nos últimos anos. “Fiquei bastante feliz com a repercussão que as pesquisas de gestão têm dado. Na realidade, nosso bom desempenho é resultado de compromisso. Sou muito exigente quando se fala de serviço público e o empenho de meus servidores é reflexo disso tudo”, pontua.

A saúde, enquanto indicador social, também foi bem avaliada na pesquisa, deixando o município na 33ª posição no ranking dos melhores em saúde pública de médio porte.

Índice de Transparência

O Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE/PE) divulgou, no último dia 1º de dezembro, o Índice de Transparência dos Municípios. E, mais uma vez, Garanhuns se destacou com o resultado do levantamento, que diagnostica como está a gestão pública das prefeituras pernambucanas. Foram avaliados as despesas, licitações, contratos e lei de acesso à informação dos portais.

A ‘Terra das Sete Colinas’ está no topo do ranking de transparência, aparecendo em 4º lugar no geral, ficando atrás, apenas, de Recife (1º), Cabo de Santo Agostinho (2º) e Cachoeirinha (3º) – e o primeiro município do Agreste Meridional de Pernambuco. O índice foi realizado pela Gerência de Auditoria de Tecnologia da informação (Gati) em parceria com o Departamento de Controle Municipal (DCM).

De acordo com o controlador do município, Glauco Brasileiro, a disponibilização de informações em meio eletrônico é obrigatória. “Os órgãos públicos, em qualquer esfera, precisam manter esses dados atualizados para manter a população ciente dos atos. E nós fazemos isso com muito critério e responsabilidade”, destaca.

Prestação de contas em dia

Em junho deste ano, os dados do Índice Firjan de Gestão Fiscal (IFGF) 2015 mostraram que Garanhuns é o 10º no ranking dos municípios de Pernambuco com prestação de contas em dia. Em nível nacional, a ‘Cidade das Sete Colinas’ ocupa a posição 708. Os dados avaliados são referentes ao ano de 2013 e comprovam a boa administração municipal das receitas e despesas. 
Fonte: Secom/PMG

Baú Cultural: Em 1923 era construída a rodovia para São José das Baraúnas.(Hoje Distrito de Miracica).

Nenhum comentário:

Postar um comentário