quarta-feira, 23 de setembro de 2015

O DIA EM QUE ABELARDO DA HORA VISITOU O COLÉGIO DIOCESANO DE GARANHUNS


Profª Antonia, Abelardo da Hora, Margarida Lucena e 
Profº Albérico em 2009. Há um ano nos deixava
Aberlardo da Hora.

Prof. Carlos Janduy

Quis o tempo Divino
Que ele chegasse aos noventa,
Luminoso, sereno e uma história arrebatadora!
Mas a hora da Hora chegou, como sempre chega pra todos.

Aberlardo foi artista, quando artista plástico,
Quando poeta, escultor, desenhista, gravurista, ceramista...
E Per-nam-bu-ca-no, claro!
De quebra, um irmão, patrimônio vivo assim como ele foi:
Claudionor Germano!
Criava tanto, que foi o fundador da Sociedade de Arte Moderno do Recife
E um dos instituidores do Movimento de Cultura Popular.

No grande Recife, pode-se ver sua mão e suas obras,
Eternas por sua marca, por sua presença em espaços da cidade.

Aberlardo Germano da Hora!
Exemplo de propagador da arte,
Da cultura que transforma, pois faz refletir.
Compartilhava seu talento com maestria.
Sortudos como Brennand, Samico, Magalhães...
Contaram com ele, em suas formações.

A cultura pernambucana está consternada,
Mas leva no peito a inspiração de tudo que ele fez,
Como não deixar arrefecer seus sonhos de um mundo melhor,
Depois de tantas prisões políticas
(atos da debilidade mental que gera estupidez e imbecilidade)

Salve o Monumento ao Frevo!
Salve o Memorial dos Retirantes!
E tantas outras obras de Aberlardo da Hora,
Esse contributo irrefutável da edificação cultural de um povo.

Mestre Aberlardo foi mais um gênio
que eu tive a feliz oportunidade de conhecer.

Em 2009, Abelardo da Hora esteve do Colégio Diocesano de Garanhuns, proferindo palestra, e na ocasião estava completando 85 anos de idade, tendo comemorado seu aniversário também com alunos, professores e funcionários no Auditório do Colégio. Abelardo Germano da Hora faleceu em 23 de setembro de 2014. 
Fonte: Jornal "Diocesano Sempre" de setembro de 2014.

CLICK NA IMAGEM E AJUDE EM NOSSAS PESQUISAS.

Nenhum comentário:

Postar um comentário