The 3 Week Diet

Thursday, August 20, 2015

HINO DE GARANHUNS

 


Letra e Música: João Marques dos Santos
Arranjos: Maestro Duda

Filhos da terra, oh! gente,
Ergam a voz, brilhem as frontes,
Cantando com a alma que sente
E que vai nas brisas dos montes.

Salve Garanhuns!
Os jardins, as palmeiras e alguns
Pedaços do céu... mãos divinas!
Salve as sete colinas!

Nos anais, "Florescente e garbosa
Garanhuns", fostes sempre assim.
A elegância, a beleza da rosa,
As paisagens, estesias sem fim.
Os teus vales bravios outrora
Esconderam fugitivos de cor...
A liberdade da terra arvora
Estes homens de novo pendor.

E o lema "Ad Altiora tendere"
É o mais fervoroso ideal.
A bandeira, sagrada e serena,
E Simôa da história fanal.

Tuas belezas, cidade das flores
E os ares, poema acolhedor...
Ai! Suspiros! Que vida, que amores
Neste hino, que fulge esplendor.

João Marques dos Santos, é poeta, jornalista e Presidente da Academia de Letras de Garanhuns é autor do Hino de Garanhuns)

No comments:

Post a Comment