The 3 Week Diet

Tuesday, September 2, 2014

HATOUM: ERRATA DE MARINA FOI "FALHA MORAL"



Um dos maiores escritores brasileiros da atualidade, Milton Hatoum anunciou nesta segunda-feira, 1º, a retirada do apoio à candidatura de Marina Silva; decisão foi tomada depois que Marina mudou o capítulo de seu programa de governo sobre a questão da defesas dos direitos homossexuais, atendendo a uma "determinação" do pastor Silas Malafaia; "Para mim foi uma falha moral. Uma falha de princípios. Falha nos princípios éticos, nos compromissos republicanos com um Estado laico. Eu não quero que o presidente da República seja refém de bancadas religiosas", disse Milton Hatoum; recuo de Marina rende prejuízos à candidata

O escritor amazonense Milton Hatoum anunciou a retirada do apoio que havia dado à candidatura Marina Silva, do PSB. A decisão foi tomada após Hatoum tomar conhecimento de que Marina mudou o capítulo de seu programa de governo sobre a questão da defesas dos direitos homossexuais, atendendo a uma "determinação" do pastor Silas Malafaia.

Milton Hatoum é um dos ficcionistas brasileiros mais importantes e premiados da atualidade, com livros traduzidos para vários idiomas. Escreveu, entre outras obras, Cinzas do Norte e Dois Irmãos.

"Para mim foi uma falha moral. Uma falha de princípios. Falha nos princípios éticos, nos compromissos republicanos com um Estado laico. Eu não quero que o presidente da República seja refém de bancadas religiosas. Eu tenho pavor disso. Eu acho que a discussão econômica, macroeconômica, sobre os diferentes pontos de vista na condução da política econômica do País, sobre o tamanho do Estado, a reforma política, tudo isso cabe e deve ser enfatizado nas discussões. Mas quando se trata de uma interferência da religião no Estado, eu acho gravíssimo", disse Milton Hatoum em matéria do Estadão nesta segunda-feira, 1º.

Milton Hatoum criticou ainda que a influência do pastor Silas Malafaia. "Meu voto vale pouco, vale só um voto, mas cada voto também é precioso. Você dá seu voto acreditando no programa do candidato, nos princípios éticos, na visão de país. Esse recuo é grave. Mais grave ainda quando se sabe que esse pastor, acho que é Malafaia, apoiou esse recuo. Foi só por isso que decidi: não vou votar nela", afirmou.
Portal 247

No comments:

Post a Comment