terça-feira, 25 de dezembro de 2012

Fundado instituto para resgatar a história e a cultura de Garanhuns



Colunata, centro de Garanhuns - Década de 50
Do Blog do Ronaldo César

No último sábado, 22, na Academia de Letras de Garanhuns, um bom número de professores, artistas, profissionais liberais, estudantes, etc, fundaram o Instituto Histórico e Geográfico de Garanhuns, ou simplesmente Instituto Garanhuns, entidade que tem por finalidade estudar, resgatar e proteger o patrimônio histórico, geográfico e cultural de Garanhuns, uma espécie de Iphan municipal. A entidade foi idealizada pelo pesquisador Audálio Ramos Machado Filho.
 O estatuto da entidade foi apresentado, discutido e aprovado, e todos os participantes foram considerados fundadores, porém, como a instituição é aberta, aceitará a associação de novas pessoas, tratando-se de uma entidade privada sem fins lucrativos.
 A responsabilidade da presidência ficou com o professor de história Cláudio Gonçalves, que é também escritor, e já contou a história romanceada da hecatombe de Garanhuns em seu livro "Os Sitiados". Audálio Filho ficou com a vice-presidência. 
 Alguns diretores foram eleitos na ocasião, ficando assim composta a diretoria:

Presidente: Cláudio Gonçalves de Lima
Vice-presidente: Audálio Ramos Machado Filho
Secretária-geral: Ivanice Ramos
Diretor Fiscal: Anchieta Gueiros
Diretor de Cultura: Prof. Antônio Vilela (também professor historiador)
Diretor de Comunicação: Ronaldo Cesar Carvalho
Conselho Fiscal: Igor Cardoso, João Marques (escritor, presidente da Academia de Letras) e Edmilson Vieira (artista plástico).

Cláudio Gonçalves publicou em sua conta no facebook: “Quero agradecer aos amigos pela votação para presidente do Instituto Histórico e Geográfico de Garanhuns, um desafio, mas antes de tudo uma missão que irei abraçar com toda dedicação e honrar a confiança de pessoas que amam Garanhuns e desejam que a sua história e sua cultura sejam conhecidas pelas novas gerações, e ao lado de vocês, com a confiança em Deus, tudo será possível.”

As reuniões do Instituto Garanhuns serão abertas e amplamente divulgadas pelos meios de comunicação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário