quarta-feira, 28 de março de 2012

SONETO AO DIOCESANO

Carlos Janduy

Grande és tu em toda tua história
Impulso que abre caminhos para a vida
Para quem te conhece, não há despedida
Pois teu leito acolhedor transborda de glória.

Por tuas portas se conhece a vitória,
Em ti a verdade está sempre erguida,
Tua marcha incessante é bem definida,
Por seres tão seguro em tua trajetória.

A qualquer momento estás sempre de pé
Expondo firmeza em todos os sentidos,
Realizando com clareza a tua missão.

Para ti não há horizontes perdidos,
Para ti a vida há sempre razão;
Realmente és o "Lar da Ciência e da Fé".

Nenhum comentário:

Postar um comentário